Como drones podem aumentar a precisão da aplicação de pesticidas na agricultura?



Cerca de 3,5 bilhões de quilos de pesticidas são utilizados por ano para pulverizar frutas, legumes, grãos e diversas outras culturas agrícolas.


Grande parte destes produtos químicos é desperdiçada, espalhando no solo, na água e na atmosfera. Essa perda na aplicação dos pesticidas podem trazer diversos problemas e danos ao meio ambiente.


Estima-se que 95% da quantidade de pesticidas aplicada na agricultura não atinge o alvo certo, ou seja, não é aplicado como deveria nas plantações.


Este desperdício pode acarretar a sérios danos ao ecossistema, aumento da toxidade, aumentando o risco de contaminação das pessoas e da commodity cultivada.


Pesticidas no mercado brasileiro

No mercado brasileiro esses números são alarmantes, por isso a tamanha importância de se aumentar a precisão da aplicação dos pesticidas. Devido ao clima tropical do país e do vasto uso de monoculturas, a incidência de pestes é altíssima.


E como até 2050 a população mundial terá aumentado sensivelmente, e espera-se que o Brasil seja responsável por 40% da demanda adicional da produção de alimentos. O uso destes pesticidas no país tendem a aumentar.


O gráfico abaixo mostra o aumento dos valores investidos na proteção de plantações no Brasil, em 10 anos tivemos um aumento de praticamente 10 bilhões de dólares.

pesticidas na agricultura: gráfico

Esse outro gráfico mostra como é o uso dos pesticidas no Brasil em cada diferente tipo de cultura.

pesticidas na agricultura: gráfico

Esses dados foram retirados dessa apresentação da Verde Potash


Novas tecnologias

Com o surgimento da agricultura de precisão diversas novas tecnologias foram aplicadas no setor agrícola, visando aumento da produtividade e redução dos impactos ambientais provenientes da atividade.


A utilização de drones tem se tornado um grande aliado para os agricultores possibilitando diversas aplicações. Uma das atividades desempenhadas por estas pequenas aeronaves não tripuladas é a aplicação de pesticidas.


Veja a seguir e entenda o perigo destes produtos químicos para o meio ambiente, e como os drones podem melhorar a precisão de sua aplicação, diminuindo os impactos ao ecossistema.

O que são pesticidas?

Pesticidas são substâncias que impedem, destroem ou mitigam qualquer praga. Um pesticida pode ser uma substância química de alta concentração ou um agente biológico que é utilizado pra aplicação de remédios, venenos para o combate de pragas que podem destruir uma plantação e diversas outras toxinas.


Estas substâncias são altamente nocivas ao meio ambiente, podendo contaminar solos, lençóis freáticos e rios, e até mesmo serem dispersas para o meio ambiente através de insetos e pássaros. Infelizmente os pesticidas são um mal necessário, pois são fundamentais para as plantações crescerem saudáveis e apresentarem os resultados esperados.


Estas substâncias já sofreram diversas melhorias ao longo do tempo, tendo o seu impacto no meio ambiente reduzido significativamente quando comparado às décadas anteriores. Mesmo com os avanços químicos os pesticidas ainda são uma das maiores barreiras enfrentadas pela agricultura.


Sua aplicação não é certeira e a utilização destes produtos químicos é muito elevada, fazendo com que os danos ao ecossistema ainda estejam presentes.


O uso de drones para aplicação de pesticidas na agricultura

Para reduzir o desperdício e o impacto ambiental causado pela aplicação de produtos químicos, diversos pesquisadores estão desenvolvendo soluções tecnológicas para aumentar a precisão e reduzir o uso de pesticidas na agricultura.


Existe uma série de trabalhos e projetos que apresentam sistemas que combinam drones com softwares e algoritmos que permitem uma aplicação precisa e direta destas substâncias.


Os softwares de ultima geração guiam os drones através de GPS e computadores de altíssima precisão. Estas tecnologias em conjunto possibilitam voos rasantes, monitoramento da plantação e o aprimoramento das técnicas de cultivo.


Todos estes dados recolhidos e monitorados constantemente fazem com que os drones apliquem os produtos químicos nos locais determinados e em quantidade previamente calculadas.


Uso de drones na detecção de focos de infestação

Um dos grandes benefícios do uso dos drones na aplicação de pesticidas, é o fato deles serem capazes de fazer o sensoriamento remoto e identificar alguns surtos.


Esses surtos quando identificados, podem ser atacados pontualmente e precisamente de acordo com o lugar onde uma praga ou fungo está começando a proliferar.


Diferente do que atualmente é feito, onde os pesticidas são usados de forma preventiva, com esse benefício dos drones, haveria a possibilidade desse uso pontual para remediar o foco dessa doença antes que ela se espalhe para o resto do cultivo.


Como os drones podem aumentar a precisão da utilização dos pesticidas?

A grande maioria das plantações utilizam aviões ou helicópteros agrícolas que realizam a aplicação dos pesticidas. A substituição destas grandes aeronaves por pequenos drones pré-programados permite uma precisão muito maior na dispersão dos pesticidas.


A maior perfeição da aplicação dos produtos químicos desta nova tecnologia se deve a alguns fatores:


Voos em menores altitudes

Por serem menores e controlados por computadores, os drones conseguem voar a plantação em menores altitudes, fazendo com que a aplicação dos pesticidas tenha menor dispersão e sofra menor impacto por ventos ou fenômenos meteorológicos.


Aplicações pontuais

Os drones podem acessar lugares onde aviões e helicópteros não têm acesso. Desta forma conseguem aplicar os remédios ou venenos nas plantas certas, evitando o desperdício e os danos ao meio ambiente.


Redução na quantidade pesticida

Por conseguirem aplicar os produtos de forma pontual gasta-se menos, diminuindo a dispersão e danos ao meio ambiente. Além disso, são aeronaves pequenas, e com isso carregam menor quantidade de produtos químicos.


Algoritmos inteligentes

Os softwares modernos utilizados pelos drones dosam a quantidade de pesticida a ser aplicado em relação a temperatura, umidade, velocidade do vento e diversos outros fatores. Isso permite uma aplicação de altíssima precisão e baixa dispersão de produtos no meio ambiente.


O aperfeiçoamento da dispersão dos pesticidas além de diminuir o impacto ambiental permite também a redução de custos para os agricultores e a maior sustentabilidade do negócio.


Novas tecnologias como os drones têm trazido diversos avanços e benefícios para o setor agrícola.


Confira neste post as principais tecnologias aplicadas na agricultura.