Inspeção com drones em Linhas de Transmissão: conheça as vantagens



Empresas que controlam a transmissão e a distribuição de energia elétrica e dados têm papel decisivo na sociedade atual. São milhões de quilômetros de linhas espalhadas por todo o Brasil, pelas quais são transmitidas nossas informações e eletricidade. Por isso a inspeção com drones em linhas de transmissão é essencial para o setor.

Atualmente, gasta-se na manutenção dessa infinidade de linhas quantias imensas de dinheiro. A inspeção preventiva das torres de transmissão é altamente dispendiosa, perigosa (inspetores de linhas de transmissão ocupam o nono lugar no terrível ranking das profissões mais perigosas dos EUA) e demorada.

O uso de VANTs (veículos aéreos não tripulados), somado a poderosos softwares/algoritmos, facilita, otimiza e torna mais seguras essas inspeções. E o melhor: já é uma realidade no mercado. Quer saber como funciona a inspeção com drones de linhas de transmissão? Leia este artigo!


LEIA TAMBÉM:


Como é feita a inspeção de linhas de transmissão?

Via de regra, as inspeções em todo o mundo são realizadas por grupos de inspetores de linha que escalam ou são levados em caminhões até as altíssimas torres de transmissão. Para se conduzir uma inspeção detalhada são necessárias várias horas, devido à dificuldade de se movimentar ao redor de estruturas imensas e potencialmente letais.


Outros métodos menos comuns incluem a inspeção de torres por inspetores em solo operando binóculos ou de dentro de um helicóptero, que deve manobrar ao redor dos pontos sob análise. 


Porém, a inspeção com drones é mais eficiente. Ele podem voar de maneira segura muito mais perto das torres de transmissão, proporcionando uma imagem mais clara do possível dano. Além disso, os ângulos captados pelos VANTs não são conseguidos através de vistoria realizada por helicópteros.


Futuro da Inspeção de linhas de transmissão

Dessa forma, a inspeção com drones têm potencial para reduzir os custos e riscos das inspeções e, ao mesmo tempo, aumentar a precisão das informações. Atualmente existem projetos pilotos de avaliações das redes, inclusive um produzido pela equipe da Pix Force, de modo a se criar padrões para a realização da atividade.

A parceria entre profissionais especializados em inspeção, pilotos treinados para voos de amplo grau de dificuldade e utilização de equipamentos e tecnológicos avançados são fatores decisivos para o sucesso dos projetos.

A parte tecnológica merece seu destaque. Além de VANTs com grande autonomia de vôo e excepcional capacidade de manobra, são necessárias câmeras com um mínimo de 16 megapixels – há casos em que duas câmeras se fazem necessárias – ou câmeras térmicas para determinar pontos de resistência elétrica que geram calor.


Além disso, uma equipe competente nos escritórios precisa analisar as imagens de maneira precisa e automatizada.


Por que agora é a hora de fazer inspeção com drones?


Desde a década de 1990 vinha-se testando drones na difícil tarefa de se inspecionar linhas de transmissão. No entanto, seus custos e a capacidade das aeronaves nesta época tornavam inviável sua utilização.


Com a evolução das aeronaves (hardware) e os imensos avanços dos aplicativos e programas de automatização (software), a viabilidade de sua aplicação é mais nítida desde que realizada por empresas e pessoas com expertise.


Vantagens do uso de Drones


Inúmeras são as vantagens para a implementação de inspeção com drones em linhas de transmissão. Alguns pontos já foram elencados, mas vamos a outros aspectos:

  1. Os drones podem mover-se sobre terrenos acidentado, onde é difícil para os trabalhadores de solo se deslocarem. Também podem enviar fotos que mostram a condição das linhas de energia.

  2. Os VANTs realizam o trabalho de forma muito mais rápida, em razão de sua praticidade e operacionalidade.

  3. VANTs não podem inspecionar tubulações enterradas, por razões óbvias. Contudo, podem obter imagens de vegetação em volta de dutos que podem sinalizar problemas – a vegetação morta frequentemente é sinal de vazamentos

  4. Reduzir os custos de serviços, tanto para inspeções de rotina quanto para levantamento de danos nas redes de energia após desastres naturais.

  5. Melhorar a segurança dos trabalhadores envolvidos diretamente na inspeção.

E aí, este texto te ajudou a compreender as vantagens da inspeção com drones em linhas de transmissão? Conheça a Pix Force!